• Dra. Daniela Telo

GORDURA DE VILÃ A MOCINHA


A segunda grande justificativa que ao meu ver esclarece o porque do aumento expressivo do excesso de peso no Mundo de 1960 para os dias atuais, foi a sobrevalorização do colesterol no aumento do risco cardiovascular e a minimização do papel do açúcar igualmente vilão do coração, diabetes e obesidade já contabilizados nos resultados desse mesmo estudo. Esse artigo curiosamente omitiu da sua conclusão os resultados sobre o açúcar e, foi publicado em 1967, quase 20 anos antes das publicações científicas exigirem a divulgação sobre os financiadores da pesquisa e de seus pesquisadores. Foi somente em Setembro de 2016, com a revisão de 31 páginas de correspondências entre representantes da indústria alimentícia e de bebidas e, pesquisadores da Universidade de Harvard, fica clara a influência direta da indústria do açúcar na manipulação de dados como pura estratégia de marketing publicitário em detrimento da transparência em assuntos que afetam a saúde de milhares de pessoas.

Fui chamada para falar justamente sobre isso no Programa Bem Estar do dia 16/02/2017 - "Mais gorduras boas, menos açúcar."

Comecei lembrando da minha bisavó Dona Benta e seus quitutes generosos em ovo, banha e manteigas. A primeira edição de seu livro "Comer Bem" contava com um capítulo sugerindo a mulher que cuidasse de sua silhueta abundante ingerindo alimentos proteicos e verduras. Machismo a parte, ela prescrevia o que conhecemos hoje como dieta Paleo ... para que ir tão longe ? Até o óleo de coco ela já utilizava, hello ??

Então o que fez Dona Benta sair de moda ? Os mesmos estudos que demonizaram o ovo sem esclarecer que o grupo que comeu ovos no café da manhã e teve piores taxas de colesterol, comia também bacon, você sabia ? Pois é, estudo financiado por potências como Coca Cola, Kellogs e todos que faziam parte da Indústria do Açúcar, believe it or not.

Felizmente, quem realmente estuda Endocrinologia sabe desde sempre que a gordura e a proteína saciam muito mais que os carboidratos então, melhor que tirar carboidratos e, cair na armadilha da privação alimentar, é aumentar a proporção dos outros dois macronutrientes para uma média de 25% de gorduras totais e, 25% de proteínas, o que te permite ficar abaixo dos 50% de carboidratos sem passar fome ! Com relação ao risco cardiovascular, está sim associado a ingestão de açúcares e carboidratos refinados e a ingestão de gordura saturada quando ingerida em mais de 7-10% das calorias diárias. Pior que a gordura saturada contida em alimentos como carnes vermelhas, frituras, é a gordura criada pela indústria alimentícia para dar mais crocância e sabor aos alimentos ultraprocessados, conhecida como gordura trans e, agora mascarada com outros nomes como gorduras interesterificadas.

E o ovo ? É vilão ou mocinho ? Já sabemos agora, com estudos mais transparentes (sempre busque abaixo dos disclosures ou já na descrição da origem dos pesquisadores por possíveis patrocínios antes de levar o estudo adiante, combinado?), que o nosso corpo só consegue absorver 1/3 do colesterol da dieta, a maioria provém da produção endógena isto é, se você ingere gorduras de forma moderada, dificilmente isso explica a elevação do seu LDL colesterol. A quantidade segura por exemplo do ovo, uma gordura saturada, pode variar de 1 a 2 ovos por dia dependendo do restante da sua alimentação. Existem aplicativos que podem te ajudar a controlar sua distribuição de macronutrientes (proteínas, gorduras e carboidratos) e com isso contribuir para um cardápio mais balanceado e conforme seus objetivos e seu prazer em comer. Há um estudo bem interessante mostrando que a ingestão de 1 a 2 ovos no café da manhã (agora sem bacon), reduziu em média 200kcal do que ingerimos ao longo do dia justamente pelo efeito sacietógeno da gordura e com isso fica mais fácil perder gordura corporal.

Já, o bacon, não há quem o defenda pelo menos por enquanto, então, recomendo que evitem toda e qualquer carne processada se o seu objetivo é se alimentar de forma saudável e prevenir doenças. E a manteiga pode ? Sim, uma pontinha de faca se você gosta muito pode entrar no lugar da carne vermelha todo dia por exemplo. Tudo pode com moderação e, não existe uma dieta só para todos, existe a sua melhor forma de se nutrir, de se saciar e de fazer as pazes com a comida.

#maisgorduras #menosaçúcar #ovopode #gorduraboa #emagrecer #semfome #aplicativosdedietas #pazescomacomida #manteigapode #bacon #alimentosultraprocessados

30 visualizações

R. Urussuí, 92 conj. 116/117
Itaim Bibi | São Paulo - SP

contato@dradanielatelo.com

       clinicadradanielatelo

WhatsApp: (11) 947974929

  • White Instagram Icon

© 2017 por Clínica Dra. Daniela Telo - Medicina do Estilo de Vida e Endocrinologia

Criado orgulhosamente por Duo RP